OS BAILES DA VIDA

Captura de tela 2019-06-23 às 13.27.17

Bailes do CMTC Clube eram concorridos, eram realizados nos sábados à noite.

Várias turmas do bairro se confraternizavam, num espírito de defesa contra possíveis invasores, principalmente porque eles vinham para ” folgar  no pedaço” .

Esse era o pensamento, mas o principal era dançar, paquerar e beber um pouquinho, porque ninguém era de ferro.

Mas , aconteciam histórias de amor, às vezes de briga e muitas histórias engraçadas.

Nonato era o famoso bico doce, também era chamado de Zé Bonitinho, todo engomadinho, sapato branco impecável, o carro lá na rua a espera da gata a ser conquistada.

Era um exímio dançarino, generoso nos gastos com amigos e ” minas  “, sua mesa era a mais frequentada do salão.

Poucos percebiam, porém , que ele usava uma peruca, muito bem feita, só quem conhecia é que sabia, a iluminação era com luz negra e luzes estreboscópicas ( até hoje eu não sei o quer dizer essa palavra ), portanto não dava para se perceber.

E lá ia Nonato desfilando pelo salão todo o seu garbo.

Mas um dia, sempre existe esse dia, quem surge no baile?

Távio, sim Otávio era seu nome, um gozador , um como se dizia , arreliento.

Frequentador da boca do luxo, com suas boites, Galeria Metrópole e congêneres, não sabemos o que lhe deu na cabeça de aparecer lá no baile.

Baile era uma coisa que ele achava chato e só os frequentou até os 16 anos, dalí para a frente só os chamados ” inferninhos “.

Pois bem , Távio fez o reconhecimento do terreno e como tinha muitos amigos começou a bater papo com vários jovens, a rodinha em torno dele e suas histórias aumentava, como aumentava o volume das gargalhadas , devidas às suas peripécias , que ele narrava.

Nisso ele viu o seu amigo de infância, sim o nosso outro herói, Nonato. Nonato estava ” chavecando ” uma mina, quás,quás,quás daqui, dali, uma dançadinha de rosto colado, um beijinho, ou seja a sua tática infalível, noite garantida.

O que fez Távio?  De longe exclamou:

“-Nonatão , meu amigo, quanto tempo ! ”

Era tudo que Nonato não queria que acontecesse, pois ele achava o seu amigo um chato e sabia que alguma coisa de ruim , estava prestes a acontecer.

Ainda mais que ao dar um grande abraço, ele deixou a sua mão escapar e derrubou a peruca do bailarino. A dama quase desmaia, o bailarino deu uma voadora no Távio, amigos de ambos começaram a discutir, era bandeja do garçom voando, moças escorregando no chão molhado e de pernas para cima,

a banda ( na época se chamava conjunto ), aumentou o som ,mas não deu resultado, o diretor do clube berrava ao microfone para pararem a briga , se não ia chamar a polícia. Cadeiras voavam de um lado a outro do salão, algum gaiato atirou um prato cheio de amendoim no rosto do diretor , os pratinhos voavam , parecia uma batalha de discos voadores. O crooner da banda vociferava parem, parem, alegria ,pessoal , alegria, pronto foi o mote, um frequentador do baile, louco por uma encrenca, aqueles da teoria do quanto pior melhor, subiu no palco e entornou um balde de gelo na cabeça do cantor, que gritava ” acendam  a luz , acendam a luz, filhos da p…! ”

A pancadaria comia solta e ao som das primeiras sirenes da rádio -patrulha, os ânimos se acalmaram, o som voltou e segundo Paulinho Martins que me contou esta história, ninguém acreditou, sentados comendo uma porção de fritas e tomando cerveja, lá estavam Nonato, com a peruca toda molhada, Távio e duas minas, preparando uma esticada na noitada.

Riam às baldas, enquanto funcionárias da limpeza recolhiam , literalmente os cacos daquela briga patética.

Enfim, tudo acabou não em pizza , mas na boite ” La vie en rose ” que era de um pariense lá do Luzitano F.  C. e mais tarde num desses  HO. da João Teodoro.

Como eu digo sempre , o amor tudo vence …

One thought on “OS BAILES DA VIDA

  1. Paulo Juvenal da Costa Junho 23, 2019 / 10:02 pm

    Brilhante crônico…só faltou dizer mais ou menos por volta de que ano aconteceu

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s