AS RUAS DO PARI

Um comentário sobre Paschoal Malatesta, um grande empreendedor, da família até onde eu sei no bairro não reside mais nenhum membro . A cerca de um mês faleceu o último Malatesta que residia no Pari, o Marcinho.

Quanto ao Largo do Pari, onde ficava a Estação do Pary, um importante terminal de cargas, com um serviço rodoviário eficiente e trens que vinham de várias partes do país. Para desafogar o porto de Santos houve no início do século XX, no terminal uma alfândega, daí o nome da rua em plena zona cerealista.Pois bem lá é bairro do Brás. Tenho publicado várias notícias sobre o Pary, com fatos acontecidos na região cerealista , deduzo que o nosso bairro encolheu pois o seu limite na região atualmente é a João Teodoro.

Também pudera , com a desculpa que o nosso bairro não é conhecido, a Galeria Pagé Brás fica em plena Hanemann, com entrada do estacionamento na Rio Bonito. Estão construindo na Conselheiro Dantas mais um shopping gigante, que segundo a placa que divulga o projeto, será mais um motivo de orgulho para o Brás. Deixa prá lá ou lascia stare , como dizia o Beppo sapateiro, enquanto isso vamos nos orgulhando do bairro e divulgando o nosso Pari.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s